Escada helicoidal ou caracol

Falar ou escrever sobre escadas de maneira mais detalhada é fácil para os Calculistas, Arquitetos, Engenheiros e técnicos que especificam e executam este elemento importante e funcional. O difícil é torná-la assunto simples e prático para aqueles que enfrentam seu primeiro estudo e/ou construção.

Foto retirada do site Móveis Planejados.

ESCADA – identificando seus componentes

Primeiramente precisamos entender que uma escada, independente do modelo escolhido, é composta de espelhos (altura do degrau), identificado na imagem abaixo com a letra H e base/piso, indicado como B, sendo a famosa pisada.

Dimensionamento – Regra básica

Uma escada sempre deve ser bem dimensionada, pois dependendo da altura do desnível a ser vencido, poderá ser incomoda causando grande desconforto

regra básica

– Não utilizar mais que 17 a 18 cm de altura para os degraus, avaliando sempre cada situação, pois estamos falando de escadas que possuam um maior número de repetições de degraus;

– Caso queira fazer apenas um desnível entre salas ou ambientes, podemos trabalhar com uma margem entre 15 cm a 20 cm, desde que sejam números reduzidos de repetições (de 2 a 4 degraus);

– Uma pisada confortável (base/piso do degrau) é de 30 cm, o suficiente para que o pé possa ser colocado confortavelmente.

Importante

Deixo claro que se trata de uma regra básica, sem maiores avaliações do ambiente, posicionamento, fluxo e frequência da utilização do elemento. Os dimensionamentos podem ser alterados para melhor adequação ao espaço e inclinação da escada e deverá ser feito com um profissional adequado.

A escada recebeu o acabamento de bambu de demolição de alta densidade carbonizado. Os degraus são compostos por réguas do material fabricado pela Neobambu – Foto retirada do site UOL.

Também sugiro que a escada seja posicionada em um local planejado, pois é fácil se tronar um grande bloqueio para a passagem e circulação, impossibilitando a futura disposição e layout dos móveis tanto no andar inferior, como no andar superior.

Caso tenha interesse em saber todos os detalhes técnicos para elaboração de uma escada, acesse a norma NBR 9077 

Foto retirada do site Simplesmente.

Escada Helicoidal

Como havia mostrado na matéria sobre ESCADAS, hoje explicarei melhor sobre um de seus sete tipos (reta, “L”, “U”, circular ou curva, caracol ou helicoidal, marinheiro e Santos Dumont), pois a escada tipo caracol é ideal para um ambiente com espaço reduzido.

E em geral, se define por um eixo central em torno do qual os degraus estão orientados / fixados. As clássicas escadas caracóis de pré-moldados em concreto talvez sejam o exemplo mais difundido desse tipo.

Mas não pense que variações sejam difíceis ou sua estética desfavorável. Escadas tipo caracol poderão contribuir em ambientes internos ou externos.

Veja a imagem abaixo, onde posicionada na área externa da casa se torna uma escultura metálica branca, com a parte interna pintada em vermelho. A região entre degraus e corrimão foi envelopada dando uma sensação se continuidade, leveza e modernidade a esta peça.

Isay Weinfeld fez um jogo de cores, leveza e transparências. Foto retirada do site UOL.

Desvantagem

A única desvantagem é não ser muito confortável quando elaboradas com dimensões muito reduzidas. Por isso sugiro que as escadas helicoidais sejam projetas com diâmetro mínimo de 1,20 metros (caso seja de baixíssima utilização).

Quanto mais, melhor!

Se puder utilizá-la com maior diâmetro, o resultado será mais satisfatório para o conforto. Sugiro que a escada helicoidal tenha 1.40 m de diâmetro (MÍNIMO), pois descontando os espaços utilizados para fixação do corrimão, sua passagem ficará com pelo menos 65 cm livre.

As especificações técnicas para recorte de laje e estruturação devem ser analisadas pelo Arquiteto responsável, Engenheiro, Calculista ou equipe técnica contratada para a execução do produto final.

 Escada estilo hélice de DNA. Notem o corrimão flutuante e eixo central retorcido que acompanha a fixação dos degraus. Design de 2003, por Ross Lovegrove – Foto retirada do site Simplesmente.

Materiais a utilizar – base estruturadora

Concreto ou ferro, qualquer das opções escolhida podem ser “moldadas” no local ou encontradas prontas, sendo necessário escolher qual se encaixa melhor no seu orçamento, bem como no custo – beneficio, projeto e dimensionamento.

Para aqueles que buscam preço para execução do serviço, o site SÓ ESCADAS têm várias opções.

Escada helicoidal em concreto pré-moldado e guarda-corpo metálico pintado em vermelho. Solução que ocupa pouco espaço e deixa o ambiente descontraído, pois mostra toda estruturação e espessuras dos degraus – Foto retirada do site Casa e Jardim.

*Sempre busque empresas de confiança!

Orçamentos com ofertas tentadoras são uma armadilha para esse tipo de serviço, pois no mercado existem muitas empresas que solicitam sinais de pagamento em valores maiores que 50% e não executam o serviço, como também, atrasam em até 3 meses a entrega de uma escada.

Procure sempre empresas de confiança e profissionais qualificados, já que uma escada mal dimensionada poderá estragar seu resultado final.

Como todos sabem, “O BARATO PODE SAIR CARO!”

Fontes de pesquisa e imagem: Assim eu Gosto / Casa e Jardim / Fag / Móveis Planejados / Mundo das tribos / Simplesmente / Só escadas / UOL.

Author Patricia Martino

Arquiteta, Decoradora e autora do blog http://www.pmartino.com/blog/

More posts by Patricia Martino

Join the discussion 3 Comments

Leave a Reply